4 Dicas de Passeios Culturais em Foz do Iguaçu

Tribo Guarani no Forest Experience, no Parque das Aves

Foz do Iguaçu é uma cidade que possui diversas opções de entretenimento. Por sua configuração geográfica e proximidade com Argentina e Paraguai, é possível vivenciar uma experiência cultural incrível e ter contato com outros costumes, línguas e modos de vida.

Para se ter uma ideia, a cidade abriga mais de 80 etnias e existem lugares e celebrações onde essa mistura cultural é enaltecida.

Se você quer ter experiências culturais únicas na cidade, confira nossas dicas e coloque esses lugares no seu roteiro do que fazer em Foz do Iguaçu!

Mesquita Omar Ibn Al-Khatab

Foz do Iguaçu tem como característica marcante a presença da comunidade árabe. É comum ver nas ruas da cidade vários restaurantes com esse estilo de gastronomia. E o símbolo que representa a força da cultura na cidade é a Mesquita Omar Ibn Al-Khatab.

Ela foi inaugurada em 1983 e batizada com esse nome em homenagem a uma das pessoas mais marcantes dentro da história muçulmana. A visita à Mesquita é uma verdadeira experiência cultural em um templo com uma beleza indescritível.

O interior da construção é preenchido com arabescos, desenhos e figuras geométricas. A arquitetura singular e arte abstrata com inspiração religiosa embelezam o espaço de mais de 15 metros de altura e chamam a atenção de quem visita a construção.

A Mesquita é aberta ao público, porém, é necessário seguir algumas orientações da cultura islâmica, como tirar os sapatos antes de entrar no templo, utilizar roupas abaixo dos joelhos, e as mulheres recebem um véu que cobre cabelos e ombros.

Forest Experience

 

Índio no Forest Experience

O Forest Experience é uma experiência cultural única e um mergulho dentro da cultura Guarani. Na floresta do Parque das Aves, integrantes da aldeia Jacy Porã recebem os visitantes para uma troca cultural inesquecível.

Para a chegada dos convidados, os indígenas fazem uma celebração com danças em volta da fogueira, comidas e a Cerimônia do Tabaco. Somente após o cerimonial é que todos se conhecem e conversam.

Nesse passeio é possível fazer uma breve imersão na cultura Guarani e conhecer um pouco mais sobre esse povo tão importante para a história do Brasil. Cada celebração é única, pois acontece de acordo com a energia do dia, do que os indígenas estão sentindo e da sintonia com o grupo, pois a experiência é participativa.

Templo Budista em Foz do Iguaçu – Chen Tien

 

Estátuas do Templo Budista em Foz do Iguaçu

Além de viver uma experiência cultural única, o Templo Budista em Foz do Iguaçu também é um ótimo lugar para relaxar e meditar em meio à natureza. A localização do espaço proporciona uma visão única da cidade. Além disso, a visita é uma forma de ficar mais próximo da filosofia Budista.

O Templo Budista foi construído em 1996 e possui mais de 120 estátuas com vários significados. A maior de todas, um Buda de 7 metros de altura, se destaca entre um jardim repleto de simbologias muito particulares.

Durante o passeio, você também irá se encantar com o templo principal, que chama a atenção por conta de sua arquitetura. Lá é possível fazer orações e acender incensos como forma de agradecimento.

O Templo Budista em Foz do Iguaçu é um passeio que foge da agitação das demais atrações da cidade, mas, nem por isso, deixa de ser menos requisitado pelos turistas que procuram uma experiência cultural relaxante na natureza.

Extra: Ruínas de San Ignácio Miní – Argentina

As Ruínas de San Ignácio Miní são consideradas Patrimônio Mundial da Humanidade tombadas pela UNESCO em 1984. Elas ficam a cerca de 300 km de Foz do Iguaçu, na Argentina. Seus visitantes podem esperar uma experiência histórica incrível.

As ruínas fazem parte de um sítio arqueológico e o lugar ajuda a entender um pouco da história dos jesuítas, que tinham como objetivo catequizar os índios. As ruínas também são uma das construções jesuíticas mais bonitas e bem preservadas que se pode encontrar atualmente no país.

No passeio você irá conhecer um museu, ver de perto peças jesuíticas e entender um pouco da cultura daquela época. No local é possível identificar casas, colégio, igreja e até mesmo um cemitério dos tempos passados.

A igreja de 74 metros de comprimento é uma das principais construções que você verá por lá. As ruínas são ideais para conhecer mais sobre a arquitetura em pedra entalhada e a história de um povo.

Qual dessas experiências culturais você gostaria de viver em Foz do Iguaçu? Conte para nós nos comentários! 

Imagens: Divulgação Parque das Aves I Divulgação Visit Iguassu

Como você se sentiu com este conteúdo?
+1
1
+1
1
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0