A extraordinária função das penas para as aves

Há muitos fatos interessantes, e até mesmo curiosos, sobre as penas.

Por exemplo, muitas vezes é possível diferenciar de longe filhotes e adultos, ou machos e fêmeas, apenas olhando as penas de cada ave.

É possível diferenciar macho e fêmea do mutum-de-penacho (Crax fasciolata).

Assim como as células da nossa pele, elas também se renovam frequentemente e caem naturalmente. Flexíveis, resistentes e bonitas, as penas são essenciais para diversas funções: elas ajudam as aves a se camuflarem no seu ambiente, a se aquecerem e a protegerem os filhotes. Auxiliam na flutuação de aves aquáticas e também servem para os machos chamarem a atenção das fêmeas durante o período de reprodução.

Observe as penas desta arara-vermelha (Ara chloropterus) enquanto voa.

A função mais importante das penas é ajudar as aves a voarem. Porém, algumas aves, como o pinguim e a ema, também possuem penas que servem para as outras funções. Aqui no Parque das Aves, você poderá conhecer um casuar, e observar suas penas: elas são tão finas que muitos visitantes pensam que eles têm pelos!

As penas do casuar são tão finas que parecem pelos.

Uma das características incríveis das aves é que suas penas sempre estão secas, mesmo quando chove, se estão nadando ou até quando mergulham! Isso acontece porque as penas estão cobertas por uma camada de óleo que as torna impermeáveis. Essa camada oleosa na verdade é uma cera, produzida pela glândula uropigeana, encontrada embaixo da cauda do animal. As aves passam o bico na glândula, recolhendo a cera e passando nas penas para impermeabilizá-las.

Irerê (Dendrocygna viduata) no lago do Viveiro das Araras, no Parque das Aves.

Essa glândula pode ser encontrada em praticamente metade das aves, de canários a galinhas. Porém, quando não está presente, o comportamento dos animais é diferente: um exemplo é o biguá (Nannopterum brasilianus), que pode ser observado com as asas abertas, esperando o vento bater para se secar!

Como você se sentiu com este conteúdo?
+1
1
+1
4
+1
8
+1
0
+1
1
+1
1
+1
0