Começa mais uma expedição do Projeto Chauá no RJ

Entre os dias 17 de junho e 01 de julho,  Carlos Garske e Bianca Matinata estarão percorrendo os municípios de Japeri, Paracambi, Rio Claro, Piraí, Paraty, Angra dos Reis, Mangaratiba e Itaguaí, no RJ. Os dois estão bastante ansiosos para o início da expedição, já que existem relatos sobre a ocorrência do papagaio-chauá em algumas dessas regiões.

E assim como nas expedições anteriores, contamos com a colaboração de todos, pois o Projeto Papagaio-chauá surgiu da preocupação com as populações dessa espécie na natureza, considerada Vulnerável pela IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza), visando a elaboração de estratégias de conservação para a espécie.

O Projeto é executado em parceria com a Fundação Neotrópica do Brasil, ONG ambientalista do Mato Grosso do Sul com mais de 20 anos de atuação em conservação da natureza, o CEMAVE/ICMBio (Centro Nacional de Conservação de Aves Silvestres) e a SPVS (Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental), além do apoio do Parque das Aves.

Para a expedição, são selecionadas regiões com áreas florestais ainda preservadas, visitadas no início da manhã e final da tarde, onde se observa uma maior atividade dos papagaios. Nessas áreas, os biólogos de campo ficam atentos a qualquer sinal da presença do papagaio-chauá e fazem todo o possível para filmar e/ou fotografar a espécie em seu ambiente natural, documentando todos os registros na página do Facebook.

Por isso, não deixe de acompanhar todas as atualizações na página do Facebook do Projeto Papagaio-chauá e compartilhar as postagens sobre as expedições. Dessa forma, as informações podem chegar até as pessoas que vivem nas regiões onde habitam os chauás, e elas podem entrar em contato com a equipe e ajudar nas buscas.

Como você se sentiu com este conteúdo?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0