Conheça 15 árvores raras da Mata Atlântica

A Mata Atlântica, ao mesmo tempo que é uma das florestas que mais abrigam espécies de plantas, é também uma das que mais estão destruídas. Cerca de 92% deste bioma já desapareceu, e o que resta resiste bravamente em meio ao desmatamento para urbanização e agropecuária sem planejamento. Por isso, muitas árvores estão ficando cada vez…

O destino da Mata Atlântica

Por: Carmel Croukamp, diretora geral do Parque das Aves. É triste saber que mais de dois terços da população brasileira vivem e dependem da região da Mata Atlântica, mas conhecem tão pouco sobre ela. É nossa missão focar todos os esforços na conservação das espécies desse bioma. Cheguei há 10 anos no Brasil, desde então…

Saiba como definir o grau de ameaça dos animais

A lista de espécies ameaçadas é um documento feito em conjunto com diversos de pesquisadores e técnicos para identificar quais são os animais e plantas que mais precisam de ações de conservação, seja com a criação de áreas protegidas ou combatendo as ameaças à espécie (caça, tráfico, desmatamento, etc). Aqui no Brasil, seguimos 3 listas…

Ninhos e filhotes: estação reprodutiva no Parque das Aves

A poucos dias do início da estação reprodutiva a equipe de veterinários, zootecnista, biólogos e técnicos do Parque das Aves, localizado ao lados das Cataratas do Iguaçu em Foz do Iguaçu, se mobilizam para receber os novos filhotes prestes a nascer. E as aves que normalmente abrem o calendário de reprodução são os flamingos,  que sempre…

Engajando professores locais na conservação do meio ambiente

Quando temos como objetivo atuar na conservação de espécies, um componente importante que devemos sempre envolver em nosso trabalho são as pessoas. Sendo assim, uma das ações realizadas pelo Parque das Aves, em Foz do Iguaçu, para ajudar na conservação da Mata Atlântica é o SOS FAUNA: Curso de Formação Continuada em Educação Ambiental para…

Saving 2 species from extinction

No more than twenty individuals are known to remain of two Brazilian bird species, the Blue-eyed Ground-dove (Columbina cyanopis) and the Alagoas Antwren (Myrmotherula snowi). Conservationists worked from August 19th to 22nd during a workshop in Foz do Iguaçu, Brazil, in order to create an emergency plan to save both species from imminent extinction. “The…

Salvando 2 espécies da extinção

Entre os dias 19 a 22 de agosto, especialistas em conservação se reuniram em Foz do Iguaçu para um workshop com o objetivo de criar um plano de emergência para salvar duas espécies de aves brasileiras da iminente extinção, a rolinha-do-planalto (Columbina cyanopis) e a choquinha-de-alagoas (Myrmotherula snowi). No mundo restam menos de 20 indivíduos…

Conectando pessoas com o meio ambiente através dos zoológicos

Em um mundo cada vez mais urbano, a emoção de estar próximo de um animal selvagem pode gerar, em crianças e adultos, um maior interesse em conhecer e proteger a natureza. Para nos ajudar nesta missão, abrigamos animais que representam suas respectivas espécies, cuja presença inicia discussões importantes sobre as ameaças pelas quais essas espécies…

Conheça os Parques Nacionais da Mata Atlântica

Nós do Parque das Aves temos o privilégio de estar localizados ao lado do Parque Nacional do Iguaçu, casa das Cataratas do Iguaçu, em meio a Mata Atlântica. Para que você também possa conhecer os parques nacionais que protegem a #NossaMataAtlantica, criamos uma lista dos parques que ajudam a cuidar deste bioma e suas espécies…

Você sabe como as aves enxergam?

Os sentidos das aves são diferentes dos sentidos humanos. Elas possuem uma capacidade de ver os raios ultravioleta (UV), o que é impossível para os seres humanos sem equipamentos especiais. Embora essa radiação seja prejudicial para os seres humanos, os raios UV são essenciais para as aves, pois influenciam em suas glândulas e altera o…

Importância dos zoológicos para a pesquisa

Mesmo nos dias atuais, ainda há muitas coisas que não sabemos sobre os animais. Felizmente, no zoológico podem ser feitas muitas descobertas sobre a vida deles, especialmente sobre comportamento, saúde, nutrição e reprodução de cada espécie, coisas que são muito mais complicadas de estudar na natureza. Para localizar e monitorar um animal de vida livre…

Diário da Mata Atlântica – O 2º bioma mais biodiverso do mundo

A biodiversidade da Mata Atlântica é incrível. Ela é o 2º bioma mais biodiverso do mundo, abrigando 8% de todas as espécies do planeta. Mas infelizmente, 380 das 627 espécies da fauna brasileira ameaçadas de extinção são encontradas neste bioma. A nossa Mata Atlântica é casa para 5% da flora mundial, abrigando 20 mil espécies…

Diário da Mata Atlântica – Processo de regeneração da vegetação

A floresta secundária da Mata Atlântica, aquela mata que passou por um processo de regeneração da vegetação, possui três estágios de desenvolvimento: estágio inicial, médio e avançado. O estágio inicial é quando a capoeira surge logo após o abandono de uma área agrícola ou de uma pastagem. Esse estágio pode durar de 6 a 10…

Diário da Mata Atlântica – Importância da Mata Atlântica

Sabia que o desmatamento da Mata Atlântica, além de prejudicar os animais, também prejudica a vida das pessoas? Isso porque esse bioma é muito importante para o ecossistema. A Mata Atlântica contribui para a limpeza do ar, a regulação do clima, e a proteção do solo, rios e nascentes, favorecendo o abastecimento de água nas…

Diário da Mata Atlântica – Palmeira-Juçara (Euterpe Edulis)

A palmeira-juçara (Euterpe edulis) é uma planta típica da Mata Atlântica, que desempenha um papel ecológico muito importante para o bioma. Além de regular o fluxo das fontes de água, garantir a fertilidade do solo, e proteger as encostas, seu fruto e semente alimentam cerca de 40 mamíferos e aves. Entretanto, devido a sua grande…

Diário da Mata Atlântica – É o bioma com maior riqueza de aves

Das 22 mil espécies de fauna e flora da Mata Atlântica, estão 891 espécies de aves, sendo que 213 delas são endêmicas, ou seja, vivem exclusivamente nesse bioma. Depois da Amazônia, a Mata Atlântica é o bioma com maior riqueza de aves 😀 Infelizmente, 120 dessas espécies estão em algum grau de ameaça de extinção. E…

Diário da Mata Atlântica – Principais ameaças contra o nosso bioma

Que a Mata Atlântica é a nossa linda casa, isso já sabemos. Porém essa casa incrível sofre com muitas pressões do homem. As principais ameaças são: o impacto ambiental causado pelos mais de 145 milhões de brasileiros que habitam sua área; os desmatamentos causados pela extração de pau-brasil, e ciclos econômicos como o da cana-de-açúcar,…

Diário da Mata Atlântica – Diversidade Cultural

Dentre os 145 milhões de brasileiros que vivem na Mata Atlântica, estão também os povos indígenas, como os Guaranis, e culturas tradicionais não indígenas, como os caiçaras, os caboclos ribeirinhos, os quilombolas e os camponeses. É uma grande diversidade cultural que esse bioma tão rico abriga. Essas populações possuem uma relação ainda mais profunda com…

Diário da Mata Atlântica – Diferença entre a floresta primária e a secundária

Você conhece a diferença entre floresta primária e floresta secundária? Floresta primária é aquela mata intocada, onde as pessoas ainda não provocaram mudanças em suas características originais. A Mata Atlântica primária caracteriza-se por sua grande diversidade biológica, com grandes árvores, e também diversas plantas como bromélias, orquídeas e cactos. Já a floresta secundária é aquela…

Diário da Mata Atlântica – Florestas de araucárias

Na Mata Atlântica existem remanescentes de florestas de araucárias, grande símbolo do sul do Brasil. Essas florestas são consideradas pré-históricas, pois existem há mais de 200 milhões de anos. É um ecossistema adaptado ao clima frio, com geadas, e compartilha o espaço com campos naturais e seus afloramentos rochosos. As florestas de araucária são, provavelmente,…

Diário da Mata Atlântica – O rico solo da Mata Atlântica

Como tudo na Mata Atlântica é muito incrível, com seu solo também não poderia ser diferente. Ele possui um ciclo orgânico ideal, pois a decomposição dos materiais como cascas de frutos, caules e folhas, garantem a reciclagem de nutrientes e a renovação do solo. Ele também é pouco ventilado e extremamente úmido, com pouca presença…

Diário da Mata Atlântica – A poluição dos rios e mares

Dentre tantos animais que sofrem com a poluição dos rios e mares, está a garça-branca-grande (Ardea alba), ave que tem os peixes pequenos como um dos seus principais alimentos. Infelizmente, elas também podem comer plásticos por engano! Assim como as garças precisam de águas limpas, existem cerca de 350 espécies de peixes vivendo nos rios…